top of page

A crise de Agosto de 1980

AI, DESSA NOITE O VENENO PERSISTE EM ME ENVENENAR – dizem os versos do fado Abandono, letra de David Mourão-Ferreira e música de Alain Oulmam, audível na voz e na sombra de Amália Rodrigues. Serve-nos aqui esta música que fala da falta de liberdade, da prisão e da ausência, para lembrar-nos da permanência dos efeitos do regime militar, que se prolongaram muito além de sua vigência institucional... Leia o texto completo




Comments


Fique por dentro de todos os posts

Obrigado por assinar!

bottom of page